Descubra os tipos de brincadeiras indicadas para cada faixa etária

Brincar é a principal atividade das crianças, pois além de ser algo divertido e saudável, ajuda no desenvolvimento de diversas áreas do corpo humano.


Desta forma, o playground é uma peça extremamente importante para os pequenos, pois ele agrega funções e trazem lições que seus filhos precisam para a vida inteira!


Por isso, listamos quais brinquedos que fazem parte de um playground e se encaixam para cada uma das idades a seguir:


Bebê (até 1 ano)


Idade: Requer estímulos de todas as formas de percepção, pois é a fase de maior desenvolvimento do cérebro. É essencial respeitar os limites do bebê, e por isso é necessário dar uma pausa na brincadeira quando ela estiver cansada.


Função da brincadeira: Oferecer estímulos visuais, sonoros, táteis e emocionais.


Do que brincar: O nosso piso Playtop é perfeito para os estímulos visuais e táteis. Além disso, olhar as crianças brincarem estimula também os outros sentidos do bebê.



Criança pequena (de 1 a 3 anos)




Idade: Nessa fase, as descobertas do domínio da linguagem, da locomoção e da socialização são muito importantes, enriquecedor e recomendável.


Função da brincadeira: Estímulos à coordenação motora e à linguagem, movimentos amplos, equilíbrio e músicas.


Do que brincar: Os brinquedos de mola são pura diversão para essa idade, pois estimulam o movimento e equilíbrio, além de darem noção de velocidade e espaço.




Pré-escolar (de 4 a 6 anos)


Idade: Nessa idade as crianças começam a desenvolver a independência, o autoconhecimento e a criatividade. Elas se interessam pelas noções de tempo (ontem, hoje, daqui a pouco) e pela contagem de números.


Função da brincadeira: Interatividade social forte, mas com espaço para também se divertirem e se distraírem sozinhas.


Do que brincar: Os balanços e gangorras proporcionam uma interação maior entre as crianças. Assim, elas podem se divertir juntas e aumentar o ciclo de amizades.



Escolar (de 7 a 9 anos)


Idade: Começo do desenvolvimento do raciocínio com visão geral do mundo, mas geralmente sem muita análise e com pouca atenção aos detalhes.


Função da brincadeira: estimulo ao pensamento, como constas simples, regras, noções de causa e efeito e raciocínio lógico com sequencia de ideias.


Do que brincar: Descer nos morros, entrar nos túneis e pular nos trampolins muitas vezes fazem parte de uma sequencia de brincadeiras que as crianças dessa idade criam na mente a fim tornar aquilo um auto desafio.



Pré-adolescente (de 10 a 12 anos)





Idade: Pensamento abstrato, com percepção do mundo mais aprofundada e com melhor qualidade às questões humanas, problemas, diferenças etc.


Função da brincadeira: Ciclo de conversas, exercício físico, maior flexibilidade para o desenvolvimento da criatividade e brincadeiras em grupos com regras.


Do que brincar: Como é mais complicado atrair a atenção dos pré-adolescentes, os equipamentos eletrônicos e de ginástica ao ar livre são a pedida certa para uma diversão garantida.

posts em destaque
posts recentes
arquivo
procurar por tags